O Núcleo de Vetores da Secretaria Municipal de Saúde orienta a população sobre a importância de receber os agentes de controle de endemias em ações contra a o mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue e outras doenças.

O gerente do Núcleo, Alexandre Luz de Campos, explica que ao todo a cidade possui 35 agentes divididos em três equipes, que visitam bimestralmente as residências. “Eles vão até o local, batem palma, se apresentam e pedem para adentrar a casa.

É importante destacar que todos estão uniformizados e devem carregar um crachá com nome, sobrenome e telefone do núcleo”, fala o gerente.A identificação é importante, segundo Alexandre, para que o morador, caso queira confirmar sobre a veracidade do trabalho e evitar que seja um golpe ou algo pior, se sinta seguro. “Nós não entramos na residência de nenhum morador nem sequer retiramos materiais inservíveis sem a autorização dele.

Temos que olhar ambientes propícios a proliferação, como quintais, banheiros, cozinha e jardins de inverno. Quartos, salas e outros ambientes não são visitados”, alerta."Para todas as dúvidas, estamos à disposição pelo telefone do Núcleo de Vetores 3326-9323, onde a população pode se informar, tirar as dúvidas e se sentir seguro quanto ao nosso trabalho que é extremamente para controle de casos de dengue.

Qualquer outra pessoa que esteja fazendo este trabalho, sem uniforme ou crachá não tem permissão da Prefeitura para realizar o serviço", explica.